Alterações aos estatutos do PSD adiadas para Setembro 

A escolha dos candidatos é também visada na proposta de Paulo Colaço, membro do Conselho de Jurisdição, que defende uma “harmonização”, entre os nomes apresentados pelas comissões políticas distritais e a comissão política nacional, para evitar os chamados “pára-quedistas” nos círculos eleitorais. Paulo Colaço defende ainda um “período de nojo” para os militantes que sejam expulsos do PSD por terem concorrido contra o partido em eleições. O período proposto é o correspondente ao mandato a que se candidatam (quatro anos, por exemplo, se for nas autárquicas).

Artigo completo